terça-feira, dezembro 09, 2008

Destino

"...acredito que há um caminho pré traçado para cada um de nós, mal desenhado. Nós damos os acabamentos..."

Lu@

10 comentários:

Sininho disse...

Existe um caminho esboçado, cabe a nós ir dando as cores e aperfeicoar os seus traços. Por vezes tal como num quadro pode cair um borrao de tinta, algo que pensavamos que iria resultar mas que afinal não passava de um mau traço, cabe a cada um de nós ser justo e tentar eliminar o mau traço, fazendo um outro na tentativa de o fazer chegar o melhor possivel à perfeição.

Susana disse...

Por vezes um caminho surge-nos em forma de desejo...
Por vezes num desejo com contornos de sonho,
E por momentos o sonho pode parecer ganhar forma.
Só nós o moldamos, só nós o escolhemos.
Só nós sabemos o que desejamos.
A vida é mesmo assim...
Preenchida por momentos sonhados, por vezes felizes e para sempre guardados.

Meu poeta sonhado...

Lize disse...

Sim... Acredito no mesmo...
O problema é que acabamentos escolher, que desenho fazer, que linha traçar. Normalmente começa-se o desenho com um esboço... se passamos esse esboço com uma cor permanente e a linha sai errada... Que fazer? Deixar estar? Ou tentar disfarçar a linha, criando novos rumos, novos caminhos?...

Beijocas

Van disse...

Numa perspectiva fisica, não existe livre arbitrio: toda a acção leva a uma reacção. Portanto, todo o nosso caminho é uma sucessão de acções e reacções que nos dão a ilusão da livre escolha...

poeta_poente disse...

Van, as acções são escolhas... portanto as escolhermos as nossas acções que vão dar origem a reacções, estamos a ter o livre arbítrio.

Van disse...

Não, sabes porquê? Porque tu escolhes determinado caminho em função de inúmeras variáveis, muitas das quais nem controlas, embora estejam lá. Perante isso, irias sempre escolher tal caminho. Portanto, apenas tens a ilusão da livre escolha quando na verdade estás a reagir a um conjunto de acções.

:D

e podíamos ficar nisto o dia todo.

olha lá, né binito responderes-me apenas a mim :).

ARG disse...

Bom dia

Duas ou três perguntas inocentes. Quem traçou previamente esse caminho? Em que altura?
Deve saber que o caminho de cada um de nós depende de uma infinidade de factores,dos genes(desde Adão,ou muito atrás,como admitem,afirmam,os evolucionistas),do berço(e aqui,Deus meu,o que se inclui),mem vale a pena enumerá-los,das condições sócio-económicas,etc.,etc..etc.De cada um também,mas aqui também se tem considerar os considerados atrás. Quer dizer,esse tal caminho previamente determinado,fixado,só de um Deus,que tenha todos os cordelinhos na mão. E esse Deus destina a A uma coisa,a B oura,talvez muito diferente,e assim sucessivamente. Uns serão inteligentes,outros burinhos,uns ou umas,umas belezas,outros ou outras,coitadinhos,muito mal feitinhos. Lindo!
Saúde e que a musa tenha acordado bem disposta. Desculpe o arrasoado sem jeito. Para outra vez sairá melhor,se o destino assim quiser. Se não quiser,paciência,é a vida.

ARG disse...

Bom dia

Duas ou três perguntas inocentes. Quem traçou previamente esse caminho? Em que altura?
Deve saber que o caminho de cada um de nós depende de uma infinidade de factores,dos genes(desde Adão,ou muito atrás,como admitem,afirmam,os evolucionistas),do berço(e aqui,Deus meu,o que se inclui),mem vale a pena enumerá-los,das condições sócio-económicas,etc.,etc..etc.De cada um também,mas aqui também se tem considerar os considerados atrás. Quer dizer,esse tal caminho previamente determinado,fixado,só de um Deus,que tenha todos os cordelinhos na mão. E esse Deus destina a A uma coisa,a B oura,talvez muito diferente,e assim sucessivamente. Uns serão inteligentes,outros burinhos,uns ou umas,umas belezas,outros ou outras,coitadinhos,muito mal feitinhos. Lindo!
Saúde e que a musa tenha acordado bem disposta. Desculpe o arrasoado sem jeito. Para outra vez sairá melhor,se o destino assim quiser. Se não quiser,paciência,é a vida.

msg disse...

Boa tarde

Desculpe o duplicado. Aqui deve-se pedir o porquê dele,pelo menos a dois destinos,um,o eu ser já velho, ou outro, o ter ficado incompleto. Eu agarro-me ao segundo,o ter de dizer mais alguma coisa,que,como estava,não tinha pernas para andar. Vamos a ver se consigo,pois a tarefa é demasiado complicada.
Sabe,o meu entendimento actual(lembre-se dos heterónimos de Pessoa) é mais ou menos assim. Deus criou tudo,porque o acaso é muito fraca saída. Criou os animais,as plantas,as rochas,e o mais que não cabe aqui,como sejam os muitos milhões de galáxias,sendo uma delas a Via Láctea,onde a nossa Terrazinha está,e o muito mais que vai por esses espaços até para lá do infinito.
Comecemos pelas plantas que nos dão grandes lições. Já viu um trigo brigar com o milho,ou a salsa com a hortelã? Não viu,pois era asim que nós devíamos fazer. Mas não fazemos,e não só de agora,porque as brigas vêm desde os começos. O termo briga aqui é englobante,porque ,como sabe tão bem como eu, há brigas e brigas,brigas de todas as espécies,entre homens com homens,mulheres com mulheres,mulheres com homens,um sarilho,e dos grandes.
Eu escolhi as pantas,porque com os animais,a coisa não dava. São melhorzinhos do que os homens(há excepções,claro,mas omde as não há?,mas não como as plantas.
Mas,afinal,onde é que quero chegar,que já não é sem tempo?Devíamos ter juízo,imitando as plantas. Para mudar o mundo,que muito necessitado está, precisa,como precisou sempre,temos de nos mudar a nós. Sozinhos,não somos capazes,porque fomos destinados. Nascemos com o destino marcado e tão marcado,que é um sarilho.
Pode ser então,que,um dia,Deus,só Ele,se compadeça de nós,e intervenha,refazendo-nos,destinando-nos outro destino.
Desculpe,mais uma vez,se aqui chegou.Para o que me havia de dar. É a vida,que a uns põe a poetar,outros a malucar,outros a ver telenovelas,outros a endeusar o Ronaldo(é assim que se chama o bota de ouro?),outros a ....
Mais uma vez,as minhas muitas desculpas. Logo o destino havia de pô-lo no meu caminho,já caminhando trôpego,a precisar de bengala,e de guia. Até um dia,pois pode acontecer que haja um amanhã.Espero que não saia outro duplicado. A ver vamos.

Van disse...

Mau mau mau... não vou comentar :-p