sexta-feira, abril 10, 2009

Intensidade

Há nos nossos dias uma intensidade em tudo o que fazemos. Temos pressa para tudo. Para fazer, para ver, para sentir, para comer, para tudo. Não nos demoramos um pouco que seja para verdadeiramente apreciar o que está à nossa volta.
Eu, por mim falo. Quando chega um dia assim, feriado, sinto-me a olhar as coisas de maneira diferente. Com mais atenção, mais carinho, mais no seu todo, porque a pressa dos outros dias leva-nos, invariavelmente, a percepcionar apenas a parte.
Por exemplo, comer. Uma refeição saborosa, como a que tive o prazer de ter esta semana, arroz de lingueirão, num restaurante que à primeira vista não nos oferece grande confiança, não teve o impacto em mim que teria se a tivesse tido hoje, com tempo, com companhia, com a partilha do momento, e talvez até com a uma garrafinha de vinho... mais, a vista que me acompanhou, a praia, o mar, o som das ondas e a brisa, tudo isto, naquele dia me pareceu normal, quotidianamente normal, mas se o fizesse hoje, amanhã, ou Domingo, com uma companhia especial, a cada saborear daqueles bocadinhos de mar temperados com sabores e aromas da mãe terra, saber-me-iam bem melhor.
Isto tudo para dizer que, os feriados, os momentos, as refeições, as vistas dos mares, das terras, dos ares, sabem melhor quando partilhados, quando partilhados com alguém especial, seja amigo, familiar, namorado ou amante.
A vida é para ser partilhada, e eu, quero partilhá-la, acima de qualquer outro sentimento, é a partilha que me move e me faz desejar sentir a dois.

Boa sexta feira a todos e, boas partilhas.

6 comentários:

Lita disse...

Se estás a falar do arroz de lingueirão do Zé Maria, fica sabendo que estou CHEIA de inveja!!!!! Da boa, claro... ;)

Sininho disse...

:) boa sexta feira e bom domingo de pascoa!

Who Am I disse...

Por acaso não quererás vir aqui partilhar do meu trabalho, não? DAhhh

Vá,ok...Bom feriado para quem não trabalha.

beijo

Zabour disse...

Se esperares um bocadinho ainda podemos ir lá hj, não sei a k horas, mas ainda vai dar ;O)

Beijokas e boa Páscoa, mau feitio!

O Meu Mundo disse...

Concordo ctg amigo! E ainda hoje comi um arroz de lingueirão feito pela minha mãe...mas a companhia?! Nenhuma :/ Mas partilho isto ctg ;)
Não esqueças do nosso coffe!
Beijokas**

izzie disse...

Como já sabes... a intensidade possibilita muitas coisas, mas também pode toldar a percepção e os sentimentos.
Com partilha ou sem ela.
Cabe-nos a nós... tentar "vencer" isso.

Beijo,